BRASIL: SENADOR INTENSIFICA MOVIMENTO PARA PRESSIONAR PACHECO A ABRIR VOTAÇÃO POR IMPEACHMENT DE MINISTRO DO STF


O senador Luis Carlos Heinze (PP-RS) pediu à Mesa do Senado Federal que paute os pedidos de impeachment do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), apresentados por diversos senadores.

“Esse requerimento, a exemplo de tantos outros documentos com o mesmo ministro, está lá na Comissão Diretora do Senado Federal como se não tivesse sido apresentado”, declarou o político, na terça-feira 22. “A presidência do Senado ignora os pleitos de quem o compõe e o apelo dos cidadãos brasileiros que confiaram nesses parlamentares a sua representatividade.”

O parlamentar destacou que, em março do ano passado, um pedido deimpeachment contra Moraes foi protocolado pelo senador Eduardo Girão (Podemos-CE). Na ocasião, a solicitação teve o apoio de Heinze e de outros senadores. Desde 2019, o Senado acumula cerca de 62 pedidos de impeachment contra ministros do STF. Moraes lidera a lista, com cerca de 29 solicitações.

O pedido de Girão foi bem fundamentado, segundo Heinze. O parlamentar explicou que recebe diariamente milhares de mensagens sobre o impeachment do ministro do Supremo, porque as pessoas “não suportam assistir aos excessos que estão sendo cometidos: censura, ‘inovações’ legislativas e muito desrespeito”.

“É fato que a quebra do princípio basilar da separação dos Poderes tem sido recorrente, o que, por si só, é motivo para o Senado abrir a discussão”, argumentou Heinze. “O Brasil não aceita ser governado por quem não foi eleito. Não podemos nos calar e permanecer inertes diante de uma ditadura escalonada promovida pelo Judiciário.”

Fonte: Revista Oeste.


Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Aviso: nós do blog Pensando Direita estamos sendo perseguidos por políticos e seus assessores nos grupos de WhatsApp! Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Comentários