MUNDO: MACRON LIGA PARA LULA E TRATA DE AGENDA GLOBALISTA; ENTENDA

BRASIL: TSE cita ‘intervenção militar’ e manda derrubar grupos de Telegram e WhatsApp


Desde a tarde da segunda-feira 31, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vem determinando a remoção de grupos do WhatsApp e do Telegram, em que caminhoneiros organizam as paralisações, que já alcançam 22 Estados mais o Distrito Federal. Os atos são contra a vitória do ex-presidente Lula na eleição.

Os ofícios do TSE estabelecem a remoção de conteúdos “que incitem grave perturbação de ambiente democrático” e instiguem “a intervenção militar ou a aplicação desvirtuada do artigo 142 da Constituição”. Os aplicativos de mensagens instantâneas estão acatando as ordens do TSE gradativamente.

Segundo o jornal Folha de S.Paulo, que obteve a decisão, o Telegram foi o principal app usado para as convocações, e, quando a empresa começou a bloquear grupos a pedido do tribunal, eles migraram para o WhatsApp. Os atos seriam a favor da intervenção militar, o que ainda não se confirmou.

Até meio-dia, eram 267 pontos de interdição ativos de caminhoneiros, em 22 Estados e no Distrito Federal, sendo que as maiores concentrações foram registradas em Santa Catarina, Pará e Mato Grosso.

O ápice dos bloqueios nas rodovias federais ocorreu durante a tarde da segunda-feira 31, com o registro de 421 interdições no país. Desde então, cerca de 300 pontos foram desobstruídos.

Segundo o diretor-executivo da PRF, Marco Territo, o órgão solicitou apoio da Polícia Federal, da Força Nacional de Segurança, de policiais militares estaduais e de outras forças de segurança para “restabelecer a ordem quanto antes e liberar o trânsito nas rodovias e garantir o direito de ir e vir e o escoamento de mercadorias nas rodovias federais”, disse.

Fonte: Revista Oeste.


Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Aviso: nós do blog Pensando Direita estamos sendo perseguidos por políticos e seus assessores nos grupos de WhatsApp! Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Comentários