MUNDO: TWITTER DE MUSK CRIA MECANISMO PARA ACABAR COM HEGEMONIA DAS "AGÊNCIAS DE CHECAGEM"


Qualquer usuário com conta na ferramenta Notas da Comunidade, lançada recentemente pelo Twitter, pode sugerir correções em posts na big tech. O mecanismo pode enfraquecer a atuação das agências de checagem.

Em linhas gerais, em vez de um seleto grupo de checadores definir o que é verdade ou não, esse processo passa a ser feito por uma comunidade composta de quem usa o serviço. Para participar da modalidade, basta que o internauta não tenha sido alvo de punição por violar as normas de uso da plataforma.

Os moderadores podem adicionar rótulos, como fazem as agências de checagem, a determinados posts, depois de uma votação interna entre eles. As tarjas têm aspectos menos agressivos que as atuais: são estilizadas com cores mais claras e palavras informativas brandas, em vez do famoso “fake news”.

No mês passado, o próprio CEO do Twitter, Elon Musk, tornou-se alvo de uma checagem da Notas da Comunidade, a qual foi elogiada por ele próprio.

A checagem foi feita sobre uma piada com provocação à CNN. Musk publicou o que seria um print com o âncora Don Lemon dizendo “CNN: Elon Musk poderia ameaçar a liberdade de expressão no Twitter ao literalmente permitir que as pessoas se expressem livremente”. O rótulo de contexto adicional informa “a captura de tela não é real e se originou em um website satírico”, com link para uma reportagem da agência de notícias Associated Press.

Fonte: Revista Oeste.

CONTEÚDO EXCLUSIVO

O blog Pensando Direita está sendo alvo de censura e desmonetização do Google. Se você quer que o site continue a postar reportagens que são escondidas pela grande mídia e acessar matérias especiais sobre vacinas, movimentações das Forças Armadas e bastidores do poder, clique em alguma das manchetes abaixo e vire assinante por apenas R$ 7 por mês: 








Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Aviso: nós do blog Pensando Direita estamos sendo perseguidos por políticos e seus assessores nos grupos de WhatsApp! Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Comentários