Mundo: Mark Zuckerberg, dono do Facebook, responde acusações contra a empresa e endossa controle da internet


Hoje (06) o dono do Facebook, Mark Zuckerberg, divulgou sua resposta sobre as acusações feitas por sua ex-gerente, Frances Haugen, detalhadas ontem (05) no Senado dos Estados Unidos, contra a empresa. Após expor as supostas irregularidades do Facebook, a acusadora apontou como uma possível solução um maior controle do Estado sobre as redes sociais e a internet como um todo, algo que foi endossado, novamente, pelo próprio dono da rede social.

"Difundiu-se a ideia de que colocamos os lucros da empresa acima do bem-estar das pessoas. Isso simplesmente não é verdade. [...] Estou certo de que muitos de vocês não reconheceram a empresa onde trabalham em tudo o que foi dito nos últimos dias. Porque sabem que nos preocupamos profundamente com a segurança, o bem-estar das pessoas e sua saúde mental. [...] O argumento de que promovemos deliberadamente conteúdo que enfurece as pessoas com finalidades de lucro carece de lógica. Nosso faturamento provém dos anúncios, e os anunciantes nos advertem constantemente de que não querem aparecer junto a conteúdos agressivos. [...] Não acredito que as empresas privadas devam tomar todas as decisões por si mesmas. Pedimos essas regulações há vários anos. Depus no Congresso várias vezes e insisti para que atualizem as normas. Tenho escrito artigos de opinião que descrevem as áreas legislativas que acreditamos serem as mais importantes com relação aos processos eleitorais, o conteúdo nocivo, a privacidade e a concorrência.", disse Zuckerberg.


Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Aviso: nós do blog Pensando Direita estamos sendo perseguidos por políticos e seus assessores nos grupos de WhatsApp!  Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Comentários