MUNDO: MACRON LIGA PARA LULA E TRATA DE AGENDA GLOBALISTA; ENTENDA

MUNDO: Bandeira brasileira foi barrada em comemoração da seleção feminina

Uma cena em específico chamou atenção durante a cerimônia de premiação da seleção brasileira de futebol feminino no âmbito da Copa América. Uma das jogadoras foi obrigada a entregar uma bandeira do Brasil que carregava nos ombros a um membro da organização do torneio.

Segundo o artigo 107 do documento elaborado pela Conmebol, “é obrigatório o uso do uniforme oficial da delegação na cerimônia de premiação. Não será permitida a entrada de atletas na cerimônia com o torso nu, com roupas que façam qualquer alusão comercial, portando bandeiras com alguma inscrição ou com as bandeiras de seus países.”

A prática de proibir tal objeto faz alusão a pressupostos globalistas, que visão à eliminação de fronteiras e soberanias nacionais em favor de um governo único, mundial, centralizando cada vez mais poder em cada vez menos pessoas.


Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Aviso: nós do blog Pensando Direita estamos sendo perseguidos por políticos e seus assessores nos grupos de WhatsApp! Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Comentários