BRASIL: MORO EXPÕE PROBLEMA ABSURDO DO GOVERNO LULA

BRASIL: ADVOGADO EXPÕE INCONSTITUCIONALIDADES CONTRA OPOSITORES DO GOVERNO E É APLAUDIDO EM EVENTO

No I Fórum Sobre Violações de Direitos Após o 8 de Janeiro, promovido pela Associação dos Familiares e Vítimas de 8 de Janeiro (ASFAV), o advogado Rodrigo Saraiva Marinho, defensor de pessoas presas em massa por ordem do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, relatou a trajetória de violações de direitos que se desenrola há anos.

Confira detalhes no vídeo:

Ele apontou que as prisões em massa do dia 8 representam apenas o ápice dessa contínua escalada de violações de direitos e garantias fundamentais.

O advogado celebrou a realização do fórum, ressaltando que ao longo desses anos, juristas se acovardaram e não denunciaram as violações de direitos que se acumularam. Ele alertou para a gradual perda de liberdade, que segundo ele, teve início lá em 2019, quando o então presidente do STF, Toffoli, abriu um inquérito e nomeou Alexandre de Moraes, que o advogado considera inconstitucional em sua origem. A partir desse ponto, uma série de inconstitucionalidades teria se desencadeado.

Aviso: nós do blog Pensando Direita estamos sendo perseguidos por políticos e seus assessores nos grupos de WhatsApp! Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários