BRASIL: TARCÍSIO DE FREITAS BATE MARTELO EM LEILÃO DA B3

VÍDEO: DEPUTADOS MARCEL VAN HATTEM E SÓSTENES CONFRONTAM “DEVASSA” ORDENADA POR MORAES

Os deputados federais Marcel Van Hattem e Sóstenes Cavalcante fizeram declarações durante uma coletiva de imprensa da oposição a Lula, reunida durante o recesso para abordar a invasão da residência e do gabinete do líder da oposição na Câmara, deputado Carlos Jordy, sob ordens do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal.

Van Hattem destacou a incomum mobilização de parlamentares durante o recesso em apoio a Carlos Jordy, condenando os abusos de autoridade e os desrespeitos à Constituição. Ele enfatizou que a ação contra Jordy foi uma agressão ao parlamento, afirmando que "a democracia está sendo ferida no Brasil". Van Hattem anunciou a decisão da oposição de manter Carlos Jordy como líder, argumentando que as notícias veiculadas pela imprensa mostram que o deputado não cometeu nenhum crime.

Por sua vez, o deputado Sóstenes Cavalcante ressaltou a importância da harmonia entre os poderes na democracia, criticando a sobreposição de poderes. Ele alertou que o caso de Jordy não é um incidente isolado, observando que até parlamentares governistas estão sujeitos a arbítrios do Judiciário.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários