BRASIL: MINISTRO DE LULA FALA EM CRIAR COTAS PARA “TRANS”

VÍDEO: REPRESENTANTES DE RÚSSIA E UCRÂNIA DISCUTEM NA ONU POR QUEDA DE AVIÃO MILITAR

A tensão entre Rússia e Ucrânia em relação à queda de um avião militar com 74 pessoas a bordo chegou ao Conselho de Segurança da ONU. As acusações mútuas foram debatidas, envolvendo a versão russa de que os ucranianos teriam abatido o avião de forma deliberada, enquanto os ucranianos afirmam não terem recebido notificação prévia sobre a operação. 

Os russos argumentam ter fornecido todas as informações necessárias antes da decolagem. Os ucranianos contestam, destacando que estavam prontos para a troca de prisioneiros, assegurando a segurança dos russos. A discussão no Conselho de Segurança incluiu o apoio dos Estados Unidos à causa ucraniana, alegando que os russos tentam se posicionar como vítimas, apesar das evidências.

Após a queda do avião na fronteira entre Rússia e Ucrânia, a controvérsia envolvendo a troca de prisioneiros e as acusações recíprocas ganharam destaque no cenário internacional. A sessão no Conselho de Segurança da ONU destacou as narrativas conflitantes, enquanto os Estados Unidos reforçaram seu apoio à Ucrânia, questionando a postura russa e ressaltando a importância das evidências para esclarecer a situação.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários