BRASIL: PGR DENUNCIA CARLA ZAMBELLI POR “INVASÃO”

VÍDEO: POR QUE LEWANDOWSKI AUTORIZOU O USO DA FORÇA NACIONAL NO RN

O ministro da Justiça, Ricardo Lewandowski, autorizou o uso da Força Nacional para capturar os dois detentos que fugiram da penitenciária federal de Mossoró, no Rio Grande do Norte. O envio de 100 agentes e 20 viaturas visa reforçar a segurança na região, onde os fugitivos, Rogério da Silva Mendonça e Davson Cabral Nascimento, são suspeitos de estar escondidos. 

O pedido de emprego da Força Nacional partiu do diretor-geral da Polícia Federal, Andrei Passos Rodrigues, e teve o apoio da governadora Fátima Bezerra. Essa ação se junta aos esforços de cerca de 500 agentes da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e forças locais que já participam da operação de recaptura.

As buscas, que já duram seis dias, foram intensificadas após o último sinal dos celulares roubados pelos fugitivos, indicando uma área rural próxima à divisa do Rio Grande do Norte com o Ceará. O ministro Lewandowski esteve em Mossoró para acompanhar a Força Tarefa e evitar comentários sobre possíveis informações de uma iminente fuga dos criminosos. A situação destaca desafios na segurança pública e a necessidade de uma ação mais eficaz por parte do governo federal diante de uma fuga que chama a atenção do país.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários