BRASIL: MST INVADE ÁREA DO GOVERNO FEDERAL

BRASIL: EDUARDO BOLSONARO E PAULO BILYNSKYJ PROTOCOLAM CPI PARA APURAR GRAVE DENÚNCIA ENVOLVENDO ILHA

Os deputados federais Eduardo Bolsonaro e Paulo Bilinski apresentaram um pedido de criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) na Câmara dos Deputados para investigar possíveis casos de abuso sexual na Ilha do Marajó. O pedido recebeu 171 assinaturas e aguarda a autorização do presidente da casa, Arthur Lira. O caso ganhou destaque após a participação da cantora gospel Aim Rocha em um Reality Show, onde uma de suas músicas expôs a situação na região, gerando repercussão entre autoridades e artistas.

Confira detalhes no vídeo:



O movimento dos parlamentares reflete uma busca por investigar o episódio relatado pela artista, demonstrando a preocupação com a situação de abuso na Ilha do Marajó. A iniciativa visa investigar possíveis omissões e responsabilidades das autoridades locais diante desses casos, destacando a importância da atuação do poder legislativo no enfrentamento desse tipo de violência.

Segundo José Maria Trindade, o pedido de CPI representa um esforço para entender as omissões e responsabilidades das autoridades envolvidas nos casos de abuso na região. A iniciativa evidencia a necessidade de se investigar a conduta das autoridades diante desses horrores, reforçando a importância da responsabilidade e do compromisso dos servidores públicos na proteção dos cidadãos.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários