BRASIL: AVIÃO FAZ POUSO SURPREENDENTE EM RODOVIA DE SP

BRASIL: MINISTRO DE LULA TEM META PARA APROVAR “NOVO ENSINO MÉDIO” NO CONGRESSO

O Ministro da Educação, Camilo Santana, defendeu a aprovação do novo ensino médio ainda no primeiro semestre deste ano. Segundo ele, essa é a prioridade absoluta do ministério para garantir que as medidas entrem em vigor até 2025. A proposta, que deveria ter sido discutida em dezembro, foi adiada para março, com intenção de aprovação na Câmara dos Deputados em março e no Senado em junho. 

Confira detalhes no vídeo:


No entanto, há divergências sobre o percentual de disciplinas obrigatórias, com o governo defendendo 80%, enquanto o projeto estima 70% e a proposta atual prevê 60%. Além disso, há ênfase na necessidade de formação dos professores e na implementação de escolas em tempo integral para garantir a qualidade do ensino, especialmente nas escolas públicas.

A discussão sobre o novo ensino médio no Congresso Nacional está prevista para começar no próximo mês, com o Ministro da Educação se comprometendo a trabalhar pessoalmente para garantir a aprovação do texto. O desafio é criar uma legislação que leve em consideração as diferenças entre o ensino público e privado, visando melhorar a qualidade da educação e preparar os estudantes para ingressarem nas universidades com melhores condições.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários