BRASIL: MST INVADE ÁREA DO GOVERNO FEDERAL

VÍDEO: JUDICIÁRIO IMPÕE PRAZO PARA ESPOSA DE MORO DAR “EXPLICAÇÕES” SOBRE MUDANÇA DE DOMICÍLIO ELEITORAL

A Justiça Eleitoral do Paraná deu à deputada federal Rosângela Moro um prazo de 10 dias para justificar sua mudança de domicílio eleitoral. Rosângela, esposa do ex-juiz Sergio Moro, foi eleita por São Paulo e pediu transferência para o Paraná em fevereiro de 2024. A decisão suscitou questionamentos sobre os motivos por trás dessa mudança de endereço eleitoral.

A determinação do tribunal reflete a necessidade de esclarecer a transferência de Rosângela Moro, considerando suas implicações no cenário político. A solicitação da deputada provocou debates sobre seu vínculo com o estado do Paraná e possíveis estratégias políticas subjacentes.

A comentarista Dora Kramer destaca que o prazo concedido pela Justiça Eleitoral destaca a importância de assegurar transparência e legalidade no processo eleitoral, especialmente em situações que possam gerar dúvidas ou controvérsias.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários