BRASIL: MST INVADE ÁREA DO GOVERNO FEDERAL

VÍDEO: PRESIDENTE DA UCRÂNIA REBATE FALA CONTROVERSA DO PAPA SOBRE A GUERRA COM A RÚSSIA

O presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, respondeu às recentes declarações do líder católico sem fazer menção direta ao Papa. Zelensky destacou os estragos causados pela artilharia russa às igrejas ucranianas, afirmando: "Na Ucrânia, muitas paredes brancas de igrejas foram destruídas".

Essa resposta veio após o Pontífice sugerir, durante uma entrevista, que Kiev deveria "ter coragem de hastear a bandeira branca". Zelensky expressou sua gratidão aos capelães ucranianos que estão na linha de frente, enfatizando o papel da igreja em apoiar o povo. 

Ele também criticou a distância do Vaticano em relação à situação real na Ucrânia, declarando: "Não é estar a 2.500 km e querer se envolver em uma mediação virtual entre aqueles que querem viver e aqueles que só querem destruir". Essa troca de declarações ressalta a complexidade da situação na Ucrânia e as diferentes perspectivas sobre a crise.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários