BRASIL: CRIMINOSOS TENTAM FURTAR DOAÇÕES DESTINADAS AO RS

MUNDO: JORNALISTA DOS EUA CLASSIFICA MEDIDA DA AGU NO BRASIL COMO “VERGONHA NACIONAL”

Nesta quarta-feira, o jornal Gazeta do Povo publicou uma reportagem afirmando que o ministro da Advocacia-Geral da União, Jorge Messias, teria comunicado ao ministro Alexandre de Moraes sobre a possibilidade de a AGU solicitar à justiça a suspensão das atividades da rede social X ou até mesmo o cancelamento da empresa no Brasil. A notícia levanta questões sobre a relação entre o governo e as redes sociais, bem como sobre a liberdade de expressão e o controle das informações veiculadas online.

Confira detalhes no vídeo:


A possível ação da AGU sugere um endurecimento nas políticas de controle das redes sociais por parte do governo, o que levanta preocupações sobre possíveis impactos na liberdade de expressão e no acesso à informação. Além disso, a notícia destaca a importância cada vez maior das redes sociais como plataformas de comunicação e a influência que exercem sobre a opinião pública e os debates políticos.


A repercussão da reportagem da Gazeta do Povo evidencia a sensibilidade do tema e a necessidade de um debate amplo e transparente sobre as políticas de regulação das redes sociais, considerando os diversos interesses envolvidos e os princípios democráticos fundamentais.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários