BRASIL: CRIMINOSOS TENTAM FURTAR DOAÇÕES DESTINADAS AO RS

VÍDEO: CÂMARA TENTA ESCONDER NOME DE EXTREMISTA QUE ENTROU EM SESSÃO COM CAMISA DO HAMAS

A Câmara dos Deputados optou por não divulgar a identidade de um homem que foi visto usando uma camiseta associada ao grupo terrorista Hamas durante uma sessão da Comissão de Legislação Participativa na semana passada. De acordo com a assessoria da Câmara, a identificação desse indivíduo apenas pela descrição da vestimenta não é viável. 

A medida de identificação nas portarias da Câmara foi defendida como uma precaução de segurança para proteger a integridade da instituição e das pessoas que frequentam o local. A justificativa apresentada pelo órgão técnico da Câmara levanta discussões sobre as políticas de segurança adotadas pelo Congresso Nacional. 

Eles argumentam que fornecer os nomes dos visitantes de forma indiscriminada poderia comprometer a segurança da Casa Legislativa. Esse posicionamento ressalta a importância de equilibrar a transparência com a necessidade de resguardar as instalações e as pessoas que transitam pelo local.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários