BRASIL: PRESIDENTE DE PARTIDO DO CENTRÃO SE ENTREGA À PF

VÍDEO: CNJ CONDENA DESEMBARGADORA QUE FEZ POSTAGENS CONTRA MARIELLE


Nesta terça-feira (21), o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) emitiu uma decisão condenando a desembargadora Marília de Castro Neves Vieira, do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro, após uma ação disciplinar devido a postagens controversas em suas redes sociais. 

Nas publicações, a desembargadora insinuou que a vereadora Marielle Franco, assassinada em 2018, tinha envolvimento com criminosos.

O CNJ concluiu que as afirmações de Marília de Castro Neves Vieira violaram os princípios da imparcialidade e da dignidade da Justiça, levando à sua condenação.


Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários