Brasil: em discurso confuso, Dilma admite que proibir pessoas de ir às ruas, como ocorre no lockdown, é "contra a democracia"; assista


A ex-presidente Dilma Roussef (PT) se pronunciou sobre as manifestações ocorridas recentemente pelo Brasil e falou sobre as consequências da pandemia sobre a liberdade das pessoas. Em um discurso confuso, ela acabou admitindo que proibir pessoas de ir às ruas vai contra a democracia, algo que ocorreu no país durante o auge das medidas restritivas, defendidas inclusive pelos integrantes de seu partido e aliados. O assunto foi comentado por jornalistas do programa Os Pingos Nos Is, da rádio Jovem Pan. Confira a fala da ex-presidente:



Aviso: nós do blog Pensando Direita estamos sendo perseguidos por políticos e seus assessores nos grupos de WhatsApp!  Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Comentários