BRASIL: CRIMINOSOS TENTAM FURTAR DOAÇÕES DESTINADAS AO RS

VÍDEO: PEDIDO DE VISTA DE NUNES MARQUES ADIA JULGAMENTO POLÊMICO NO STF

O julgamento da Lei das Estatais sofreu mais um adiamento no Supremo Tribunal Federal (STF), após o ministro Nunes Marques solicitar vista, postergando a decisão para 2024. O placar permaneceu empatado em 1 a 1, aguardando a análise do ministro que levantou questionamentos durante a sessão.

Na quarta-feira (06), a Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) leu os relatórios das indicações de Paulo Gonet para o cargo de Procurador-Geral da República (PGR) e de Flávio Dino para o Supremo Tribunal Federal. O ministro André Mendonça, ao apresentar seu pedido de vista, destacou exemplos de melhoria após a aplicação da Lei de Responsabilidade das Estatais em 2016, ressaltando que ela se aplica a indicações de integrantes de governos em diversos níveis.

O adiamento e os questionamentos do ministro Nunes Marques geram expectativas e debates sobre a legislação relacionada às estatais, ampliando a incerteza sobre as decisões futuras no STF.

Aviso: nós do blog Pensando Direita estamos sendo perseguidos por políticos e seus assessores nos grupos de WhatsApp! Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários