BRASIL: PGR DENUNCIA CARLA ZAMBELLI POR “INVASÃO”

BRASIL: DEFESA DE BOLSONARO REVELA COMO ELE AGIRÁ EM DEPOIMENTO À PF

O ex-presidente Jair Bolsonaro está agendado para prestar depoimento à Polícia Federal amanhã, em meio a investigações sobre suspeitas de tentativa de golpe de estado. Sua defesa solicitou ao Supremo Tribunal Federal o adiamento do depoimento, alegando falta de acesso integral aos elementos da investigação, porém, o Ministro Alexandre de Moraes negou o pedido. Bolsonaro optou por permanecer em silêncio durante o depoimento, indicando que pretende colaborar, mas ressalta a falta de acesso a evidências cruciais, como conversas encontradas em celulares apreendidos e uma delação premiada.

Essa é a transcrição de um video, refaça no formato noticia com 3 paragrafos, e 150 palavras:

Paralelamente, a Comissão de Ética Pública da Presidência abriu investigação contra cinco ex-ministros e um ex-secretário do governo Bolsonaro, relacionados à reunião em que teria sido discutido um possível golpe de estado. A decisão preliminar foi tomada em decorrência da liberação pelo Supremo Tribunal Federal do vídeo completo dessa reunião ministerial, ocorrida em julho de 2023.

Os ex-ministros Augusto Heleno, Bruno Bianco, Wagner Rosário, Paulo Sérgio, Anderson Torres e o ex-secretário executivo Mário Fernandes estão sob investigação. A comissão pretende ouvir apenas os ex-ministros que participaram ativamente da referida reunião ministerial, enquanto aguarda o posicionamento das defesas para definir os próximos passos da investigação.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários