BRASIL: MINISTRO DE LULA FALA EM CRIAR COTAS PARA “TRANS”

BRASIL: DINO FALA EM DIMINUIR CRESCIMENTO DA POPULAÇÃO CARCERÁRIA

O futuro ministro do STF, Flávio Dino, abordou a necessidade de reduzir o crescimento da população carcerária, destacando que "punição não é igual a prisão". Em declarações, ele defendeu a prisão para casos de crimes hediondos, enquanto propôs medidas alternativas para outros delitos, como delitos de trânsito e furtos. 

Confira detalhes no vídeo:

Dino enfatizou a importância de uma abordagem diferenciada, reconhecendo que não todas as infrações merecem a mesma resposta penal. 

Suas declarações refletem uma perspectiva voltada para uma política criminal mais equitativa, considerando as circunstâncias específicas de cada caso. 

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários