BRASIL: YouTube tira do ar live de Bolsonaro com embaixadores


Contrariando sua própria decisão anterior o YouTube, por meio de sua equipe de checadores com sanha editorial, decidiu por excluir o vídeo em que o presidente Jair Bolsonaro (PL) se reúne com 40 embaixadores estrangeiros e apresenta uma série de falhas de transparência do sistema eleitoral brasileiro, baseado apenas em recurso eletrônico, não de contagem física dos votos.

“A política de integridade eleitoral do YouTube proíbe conteúdos com informações falsas sobre fraude generalizada, erros ou problemas técnicos que tenham supostamente alterado o resultado de eleições anteriores, depois de os resultados já terem sido oficialmente confirmados”, informou a plataforma, em nota. “Essa diretriz agora também se aplica às eleições presidenciais brasileiras de 2014, além do pleito de 2018.”.


Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Aviso: nós do blog Pensando Direita estamos sendo perseguidos por políticos e seus assessores nos grupos de WhatsApp! Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Comentários