BRASIL: CRIMINOSOS TENTAM FURTAR DOAÇÕES DESTINADAS AO RS

VÍDEO: FLAVIO BOLSONARO DESABAFA SOBRE OMISSÃO DO SENADO DIANTE DE “TIRANIA”

Durante uma audiência pública na Comissão de Segurança Pública do Senado, o jornalista português Sérgio Tavares compartilhou sua detenção ilegal pela Polícia Federal ao cobrir uma manifestação com Bolsonaro em São Paulo. Nesse contexto, o senador Flávio Bolsonaro expressou sua frustração com a inação do Senado perante o que ele descreve como a "tirania" do ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). Flávio destacou que a perseguição a opositores não é algo novo, mas sim uma questão persistente ao longo dos anos.


Flávio Bolsonaro argumentou que o Brasil está passando por um momento crucial de proteção às instituições, especialmente ao STF, que, em sua opinião, está sendo prejudicado pela atuação de um ministro que ele acredita estar contribuindo para a destruição da democracia. Ele enfatizou que a população é capaz de reconhecer quando ocorre perseguição política.


O senador ressaltou que os 81 senadores têm plena ciência dos fundamentos e motivos para iniciar processos de impeachment contra ministros do STF. Ele salientou que, enquanto o STF não se autolimitar, a instabilidade política no Brasil continuará.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Comentários