BRASIL: PRESIDENTE DE PARTIDO DO CENTRÃO SE ENTREGA À PF

MUNDO: INTEGRANTE DO GABINETE DE GUERRA DE ISRAEL PEDE DEMISSÃO E FAZ GRAVE ACUSAÇÃO CONTRA PRIMEIRO-MINISTRO

Benny Gantz, membro do governo de emergência de Israel, anunciou sua renúncia ao cargo. Em sua saída, ele acusou o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu de obstruir o avanço em direção a uma "vitória" contra o grupo Hamas. 

Confira detalhes no vídeo:


Gantz, que também é líder do partido Azul e Branco, estava no governo de união nacional desde maio de 2020, quando assumiu o cargo de ministro da Defesa e vice-primeiro-ministro. 

Sua renúncia ocorre em meio aos conflitos contínuos entre Israel e o Hamas, ressaltando as divisões políticas internas e os desafios enfrentados pelo governo israelense para lidar com a situação na região.

Clique aqui para ter acesso ao livro O Brasil e a pandemia de absurdos, escrito por juristas, economistas, jornalistas e profissionais da saúde conservadores sobre os absurdos praticados durante a pandemia de Covid-19, como tiranias, campanhas anticientíficas, atos de corrupção, inconstitucionalidades por notáveis autoridades, fraudes e muito mais.

Garanta acesso ao nosso conteúdo clicando aqui, para entrar no grupo do WhatsApp onde você receberá todas as nossas matérias, notícias e artigos em primeira mão (apenas ADMs enviam mensagens).

Comentários